setembro 12, 2015

ARMANDO - Blog do Delmanto



Armando filho e Armando pai, com tia Silvia e Marcelo.


 Armando pai e Armando filho comemorando o nascimento do Armando Neto.

Armando avô e Armando Neto (Netão Delmanto).

No Centenário do Colégio Santa Marcelina.


No dia de ontem, comemoramos o 40º aniversário do meu filho caçula, Armando. Já era hora de trazer a estória do porquê me chamo Armando e ele e seu filho, também...

A estória, contada em detalhes por meu pai, eu a publiquei em meu primeiro livro, “A Juventude: Participação ou Omissão”, publicado em 1970, pela Edijor. 


Na época eu tinha 25 anos e era colunista do jornal “Diário Comércio & Industria” e dos semanários “City News” e "Shopping News”, da capital.

Hoje, passados 70 anos do gesto afetivo de meu pai dando a mim o nome do ex-governador Armando de Salles Oliveira, espero que essa homenagem ao grande Estadista Paulista seja levada a bom termo por meu filho Armando e, no futuro, pelo Netão (Armando Neto)...

Geração Modêlo de Geração


O cenário se desenvolve em Buenos Aires. Um jovem político do interior do Estado de São Paulo, líder inconteste de sua região, a média sorocabana, visita em um modesto apartamento da Via Anchorema, em 1945, o ex-governador Armando de Salles Oliveira. Nessa visita ao grande democrata paulista, no exílio, o jovem líder político apresentava-lhe o apoio do seguidor e admirador que nunca se havia afastado do ideal, do qual Armando de Salles era o maior defensor, de levar o Brasil para a sua completa democratização.
Na oportunidade, comunicava ao seu líder e particular amigo que, em homenagem de reconhecimento e de coração, daria o nome de Armando ao seu caçula que estava para nascer. Pouco depois falecia, em São Paulo, o ex-governador. O jovem político continuou em sua luta política, encontrando reveses apenas sob o peso do maléfico poder econômico e sob as artimanhas da poderosa máquina da famigerada oligarquia política: os vícios maiores que, até os nossos dias, impedem que o Brasil possa viver em clima de plena democracia. O jovem político do interior de São Paulo, era meu pai; eu, o fruto da merecida homenagem.”
(livro “A Juventude: Participação ou Omissão”, Edijor/1970, de Armando Moraes Delmanto.)


14 comentários:

Delmanto disse...

Sempre escrupulizo quando o assunto é família. Mas se neste Blog eu procuro abordar todos os assuntos, nada mais justo que eu possa falar da minha família e dos assuntos familiares que me são importantes. É isso. Hoje, só assunto/família...
Mais uma vez reiterando os parabéns ao meu filho Armando pelo seu aniversário, comemorado ontem, reitero, também, os meus agradecimentos ao meu pai por tão acertada escolha desse nome, misto de honra e de responsabilidade.
Valeu.

Anônimo disse...

Suely Heloisa Teixeira (Facebook):
Parabéns Armando!!! Bela homenagem !!!

Anônimo disse...

Grace Maria Mattos (Facebook/Venezuela):
Felicitaçoes a todos os Armandos...

Anônimo disse...

Simone Cristina Machado Cavalari (Facebook):
Que linda homenagem!!! Adoro ler seus posts.

Anônimo disse...

Marlene Caminhoto (Facebook):
Parabéns ao primeiro Armando que inspirou seu saudoso pai... Parabéns ao Armando Moraes Delmanto pelas belas e sensíveis palavras... Parabéns ao filho que comemora idade nova e parabéns ao neto que perpetua a vontade de um homem bom que resolveu homenagear um político bom... Coisa difícil de encontrar atualmente... Abração

Anônimo disse...

Sydney Jose Castro (Facebook/Pernambuco):
Ontem hoje é o amanhã , nos lembramos dos nossos pais, avos é sempre estamos jovens , somente eles envelheceram ,mas o espelho é ingrato conosco , nossos filhos com filhos e nós ainda crianças e assim vamos até que o nosso Pai nos aclama para um nível que até hoje não conseguimos entender ,parabéns a moçada .como dizem s vida começa aos 40

Anônimo disse...

Thales Mattos Filho (Facebook):
Parabéns Armandinho, comigo foi semelhante, recebi o nome do meu saudoso pai e também dei o mesmo ao meu filho. A e filósofo greginspiração do meu avô veio do matemátic e filósofo grego Thales; grande abraço amigo !

Anônimo disse...

Armando Jesus Barbieri Barbieri (Facebook):
Porque coloquei o nome de meu filho de Armando Eduardo Barbieri .É uma história bem engraçada ! Tem haver com masculinidade que vem do macho.que todo macho tem que terminar em letra "O" e vem de família !
O segundo filho Silvio Fernando Barbieri Também terminados em "O"
Meu pai Mario Idem e meu irmão ( Todos nomes masculino) terminados em "O"
Como castigo por essa atitude machista meu filho Armando só teve filhas que já me deram duas bisnetas ! Acha engraçado ?
Tenho um neto do segundo filho que continua com a ideia e ele chama-se Emilio ! Depois te conto a história !
Meu nome Armando foi colocado em homenagem a Armando Salles de Oliveira Governador na época que nasci ! Jesus porque era Sexta-feira Santa as 7 horas 00 e Barbieri da Itália !

Anônimo disse...

Guto Hilst (Facebook):
Adorei a história do Armando, sempre leio seus artigos, tenho um livro muito bom seu da história do Lawrence, estive no casarão fazendo umas fotos noturnas de lá !!! Abs Emoticon smile Ahhh sem contar q seu filho Armando fez o parto dos meus dois filhos !!!! heheh

Anônimo disse...

Nilza Favero (Facebook):
Suas (nossas) crianças cresceram!
O tempo voa.

Parabéns ao Armandinho!

Anônimo disse...

Wlademir Vicente Salles (Facebook):
Grande Armando. Meus parabéns. Benato

Anônimo disse...

Estela Dias(Facebook):
Parabéns e felicidades.

Anônimo disse...

Rachel M. McCay (Facebook/Austrália):
Parabéns para o sortudo do seu filho ! Por ter esse pai maravilhoso!

Anônimo disse...

Neuza Moises Rezende Leite (Facebook):
Parabéns Armando. ..G1 G2 e G3!!!

Postar um comentário