julho 31, 2016

AVENIDA TURÍSTICA DA CUESTA DE BOTUCATU

AVENIDA TURÍSTICA DA CUESTA DE BOTUCATU

Foto Botucatur



A futura AVENIDA TURÍSTICA DA CUESTA DE BOTUCATU a ser construída no TOPO DA CUESTA (ligando Vitoriana à Rodovia Marechal Rondon) será o “POINT” turístico de Botucatu.

É preciso destacar a situação de descuido de toda a área de nossa Cuesta. Sim, a CUESTA DE BOTUCATU , em todo seu entorno e nas proximidades de sua ESCARPA, não vem recebendo do Poder Público os cuidados indispensáveis para a sua PRESERVAÇÃO ECOLÓGICA.

ilustração do Mestre Vincio

A AVENIDA TURÍSTICA DA CUESTA DE BOTUCATU – projetada para o TOPO da CUESTA – pode e deve ser construída pela Prefeitura Municipal em parceria com a iniciativa privada, respeitando e resguardando a ecologia local. Com a reserva das áreas adjacentes devidamente com projetos de ocupação racional e ecológica, destinando essas áreas para mirantes turísticos, restaurantes, áreas de lazer, etc.
Todas essas providências são necessárias se quisermos que Botucatu passe a desfrutar de lugar de destaque na classificação das MELHORES CIDADES PARA SE VIVER! Tudo o mais é enganação e esse assunto – vital para nosso futuro! – estaria sendo tratado com descaso e irresponsabilidade dos órgãos públicos.

Hoje, a ECOLOGIA  é considerada a CIÊNCIA DA SALVAÇÃO DA HUMANIDADE. Daí a importância que se tem dado à qualidade de vida de cada comunidade, à preservação de seu meio ambiente e de suas riquezas naturais. Não é de hoje que em Botucatu a preocupação com o meio ambiente e a qualidade de vida de seus habitantes tem chamado a atenção dos segmentos engajados de nossa sociedade.

É preciso que haja um trabalho de arborização, aumentando na cidade o percentual da área verde por habitante: o PARQUE MUNICIPAL precisa se tornar realidade; alguns bairros periféricos – encabeçados pelo bairro de nome bonito mas de péssimas condições de vida! – o “JARDIM SANTA ELISA”, precisa receber as condições mínimas de qualidade de vida a nível mínimo de aceitação por qualquer comunidade; o “CEMITÉRIO JARDIM” precisa obter certificado de entidade ambiental que a sua localização NÃO está comprometendo, de forma irreversível, o LENÇOL FREÁTICO nele localizado; a população de modo geral e os pequenos proprietários ribeirinhos de nosso município precisam ser conscientizados da necessidade de recomposição da MATA CILIAR, enfim, já nas proximidades das ELEIÇÕES MUNICIPAIS é preciso que os candidatos apresentem projetos adequados para a preservação, defesa e ocupação racional da CUESTA DE BOTUCATU!

2 comentários:

Anônimo disse...

Dr.Armando. Muito bem observado.É pena que todo esse traçado não tenha merecido melhor atenção. O trecho da antiga Maria Fumaça da Cuesta, que abandonou pontos turisticos importantes deve ser preservado.

Delmanto disse...

Alô, alô!!! A eleição para prefeito e vereadores está aí! VAMOS PARTICIPAR?!?

Postar um comentário